sábado, 18 de fevereiro de 2017

Vão ter de mudar de restaurante

Enquanto o clubezeco dos vouchers foi levado ao colinho ao longo da primeira volta do campeonato, só se ouvia riso e gozo lá para as bandas da Capital do Império Ultramarino. Quando o Porto foi espoliado jornada após jornada, ninguém ouviu os voucheristas a reclamar. Quando o Porto foi atirado para fora da Taça de Portugal por esse batoteiro do apito chamado João Capela, ninguém ouviu os voucheristas a reclamar. Quando o Porto foi atirado para fora da Taça da Liga por outro batoteiro do apito chamado João Pinheiro, ninguém ouviu os voucheristas a reclamar. Nessa altura só se ouvia coisas do género "Ah e tal, o Porto não joga nada, o Porto não marca golos"... A vida corria-lhes bem, o Marquês até já estava reservado para os festejos do tetra. Agora, bastaram três ou quatro jornadas da segunda volta para começarem a chorar e até já exigem reuniões de emergência com o Conselho de Arbitragem (o mesmo que, até há bem pouco tempo, diziam que estava a funcionar muito bem). Lá se foram os 7 pontos de vantagem que conquistaram à custa das jantaradas no Museu da Cerveja! Vão ter de mudar de restaurante porque os árbitros fartaram-se desse! 

Sem comentários:

Enviar um comentário