quarta-feira, 5 de outubro de 2011

O apoio (in)condicional de Vieira

Ao vir agora manifestar publicamente o seu apoio (in)condicional a Fernando Gomes na corrida à presidência da Federação Portuguesa de Futebol, Luís Filipe Vieira deitou completamente por terra a face do Benfica. Recorde-se que o presidente encarnado apoiou inicialmente a candidatura de Fernando Seara - tendo, inclusivamente, tentado convencer, sem sucesso, Godinho Lopes a juntar-se no apoio ao candidato benfiquista - vindo agora mudar de opinião perante a desistência do autarca de Sintra. Fica assim uma fraca imagem de um clube oportunista, que se alia a este ou àquele conforme as conveniências.