sábado, 3 de dezembro de 2011

Sport Lisboa e Batota II

Sem comentários!


6 comentários:

  1. Vá isto não é fair play isto é transparência! Isto é a verdadeira (deles) verdade desportiva!
    Já sabemos agora porque os jogadores do Benfica caiem por tudo e por nada, treinam muito essas quedas e pelos vistos o treinador é um "expert" a ensinar.

    ResponderEliminar
  2. Mas o guarda-redes estava de facto lesionado. Se tivessem treinado não necessitava que o treinador lhe dissesse para se atirar para o chão para ser visto pelo médico, ou não será assim?
    Então uma pessoa com problemas físicos tem de aguentar até ao fim do jogo? Se fosse um jogador do Porto nem precisava que o treinador lhe dissesse pois estão muito bem instruídos e treinados. Quem tem "fair-play"?
    António P

    ResponderEliminar
  3. "Mas o guarda-redes estava de facto lesionado."

    Você acredita mesmo que, se o guarda-redes estivesse lesionado, precisaria que o treinador lhe fosse dizer para se atirar para o chão???

    P.S. - Já escreveu a carta para o Pai Natal? Olhe que o Natal está à porta e ele depois não tem tempo para construir os brinquedos...

    ResponderEliminar
  4. Já, já escrevi a carta ao Pai Natal. E pedi-lhe, não brinquedos, mas um pouco mais de bom senso para os adeptos do futebol. ;-))

    ResponderEliminar
  5. Eu repito a pergunta que lhe fiz e que você se recusou a responder: acredita mesmo que, se o guarda-redes estivesse lesionado, precisaria que o treinador lhe fosse dizer para se atirar para o chão???

    ResponderEliminar
  6. Respondendo à pergunta. Sinceramente, não sei. Penso que o guarda-redes, nas imagens, parece estar a queixar-se de algo. Agora se estava lesionado ou não, não sei. Penso que se está a dar demasiada a importância a algo que não teve nenhuma, ainda por cima com a bola bastante longe.

    Quem não se lembra daquela gaffe do Mourinho a segurar uma bola que saiu pela linha lateral, impedindo o jogador adversário de arremessar a bola rapidamente? Eu não gostei de ver.

    Mas isto não é desculpar nada. E se fosse o VP? Apoiavam ou criticavam?

    ResponderEliminar