segunda-feira, 1 de outubro de 2012

"Coward Webb" regressa ao Dragão

A UEFA divulgou hoje os árbitros que vão ajuizar as partidas referentes à próxima jornada da Liga dos Campeões e já se sabe que o caminho do FC Porto irá cruzar-se novamente com Howard Webb. Infelizmente, o nome deste árbitro inglês não traz boas recordações aos azuis e brancos, já que, no ano passado, protagonizou uma péssima arbitragem na recepção ao Sevilha no Dragão, com claro prejuízo para os portugueses. A propósito dessa arbitragem, tive a oportunidade de escrever, na altura, o seguinte:

«Howard Webb é daqueles árbitros que parece ter nascido com o cu virado para a lua e tem uma sorte fora do normal. Ou isso, ou tem um padrinho muito bem colocado nos meandros do futebol mundial. Já foi escolhido para arbitrar a final da Liga dos Campeões e a final do Campeonato do Mundo, o que lhe confere um currículo impressionante mas também surpreendente, principalmente se tivermos em conta as péssimas actuações que já protagonizou na sua carreira de arbitragem. Em Inglaterra, o senhor Webb já esteve envolvido em situações que geraram grande polémica e ontem, no Dragão, mostrou porquê. O inglês demonstrou falta de coragem na hora de expulsar jogadores espanhóis, primeiro ao permitir que Alexis continuasse em campo quando o defesa sevilhano (que já tinha visto um cartão amarelo) agarrou ostensivamente Hulk pela camisola impedindo-o de entrar na área com perigo e depois quando ignorou a agressão a Fucile. Pelo contrário,  mostrou um amarelo a Beluschi quando este tentou apenas jogar a bola ainda nas proximidades da área espanhola e não teve contemplações em expulsar Álvaro Pereira numa entrada viril. Pelo meio, muitas faltas óbvias passaram em claro, mal disfarçadas por uma pseudo-arbitragem "à inglesa", enquanto muitas outras foram assinaladas em lances banalíssimos. Enfim, o inglês foi uma nódoa num pano que tinha tudo para ser de seda.»

Veremos o que fará agora o sr. Webb nesta partida frente ao PSG, mas palpita-me que iremos assistir à sequela de um filme já visto. Mais um motivo para que a equipa do FC Porto entre em jogo plenamente consciente de que necessitará de uma exibição perfeita e de plena concentração e empenho para conseguir ultrapassar este adversário, já de si tão complicado. E que bom era, se conquistássemos já mais três pontinhos...

1 comentário:

  1. caríssimas(os),

    num dia a todos os níveis frustrante, só mesmo o nosso FC Porto nos conseguiu dar uma alegria e encher-nos de orgulho!

    que a exibição de ontem tenha continuidade já no próximo encontro, é o que mais desejo!


    somos Porto!, car@go!
    «este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

    saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todas(os) vós! ;)
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar