terça-feira, 16 de agosto de 2016

Vêm aí os romanos


Ultrapassado que está o Rio Ave no primeiro embate desta época a contar para a I Liga, é tempo de voltar as lanças para o próximo adversário: a AS Roma. Quis a sorte (?) que calhasse aos Dragões a fava do sorteio do play-off da UEFA Champions League, já que exceptuando as equipas cabeças de série - que o FC Porto não poderia defrontar por ser também ele cabeça de série - o emblema italiano apresentava-se, à partida, como o obstáculo mais complicado no apuramento para a fase de grupos da Liga dos Campeões Europeus. Mas quem é, afinal, este adversário?

A Associazione Sportiva Roma, normalmente conhecida como A.S. Roma - ou simplesmente Roma - é, a par da Lázio, um dos principais clubes da capital italiana. Fundada em 1927, joga actualmente na primeira divisão da liga italiana, a Serie A, tendo obtido a terceira posição na época passada, atrás da campeã Juventus e do Nápoles, 2º classificado. 

Apesar dos seus 89 anos de história, a Roma possui um palmarés relativamente pobre: conquistou apenas 3 Campeonatos de Itália, 9 Taças de Itália e 2 Supertaças. A nível internacional, o máximo que conseguiu foi disputar duas finais europeias: uma da UEFA Champions League, em 1984, que perdeu frente ao Liverpool, e outra da Taça UEFA, em 1991, que perdeu frente ao Inter de Milão. Não se julgue porém que se trata de um adversário fraco. Ainda que se mantenha num patamar ligeiramente abaixo dos seus principais rivais, a Roma faz, todos os anos, um avultado investimento no seu plantel, apresentando-se sempre como um dos mais fortes candidatos à conquista do título italiano e um oponente temível que ninguém gosta de defrontar nas competições europeias. Atente-se que, na preparação desta nova época, os gastos em reforços rondam já os 100 milhões de euros, o que diz tudo sobre as elevadas expectativas com que os romanos encaram as competições em que estão inseridos. 

O equipamento tradicional da Roma - desde há vários anos patrocinado pela Nike - apresenta duas cores: o vermelho e o amarelo, ambos em tons escuros. O alternativo é branco.
O símbolo tem a forma de brasão e inclui a Lupa Capitolina, uma escultura medieval que representa uma loba a amamentar Rómulo e Remo, um símbolo que os antigos romanos associavam à fundação de Roma.

Uma das principais figuras da equipa da Roma é o seu capitão, Francesco Totti. O avançado de 39 anos de idade fez a sua carreira sempre ao serviço do emblema italiano, mas sagrou-se campeão do mundo em 2006 pela Selecção de Itália. Foi também eleito por cinco vezes como o melhor jogador italiano, sendo considerado o melhor jogador italiano de todos os tempos e um dos melhores 10 da historia do futebol mundial.

Sem comentários:

Enviar um comentário