quarta-feira, 24 de maio de 2017

Ranieri, pois claro!

Numa altura em que só a final da Taça de Portugal vai fornecendo algum assunto futebolístico, já se previa que a escolha do substituto de Nuno Espírito Santos se iria transformar neste turbilhão de informação e contra-informação com que a imprensa tem preenchido as páginas vazias das suas secções desportivas. Ora, sabendo que da lista de nomes sugeridos pelos jornais raramente sai a escolha final de Pinto da Costa, prefiro aguardar calmamente pelo anúncio oficial daquele que será o técnico para a próxima época, com a garantia pessoal do meu apoio incondicional, seja ele qual for. 

Ainda assim, perante as inúmeras manifestações de adeptos portistas em favor da vinda de Marco Silva, vejo-me obrigado a dizer que estou cansado de ver repetidos os erros cometidos pelo FC Porto ao longo dos últimos anos e, nesse sentido, espero que estas manifestações não passem de meros devaneios dos adeptos e não o reflexo de reais intenções da SAD portista. A política de contratação de jovens talentosos e ambiciosos, mas inexperientes e sem currículo, já deu provas de ser desastrosa. Marco Silva é apenas mais um que encaixa perfeitamente nesse perfil e que está destinado ao fracasso ainda antes de começar a época. Ah, e já agora, Sérgio Conceição é outro.

Aquilo que o FC Porto precisa urgentemente é de alguém que seja possuidor de uma notável bagagem de experiência e conhecimento, capaz de pôr a equipa a vencer e a convencer, não só nas competições nacionais como internacionais. Alguém que, pelo seu carácter forte e pela sua notável carreira, seja capaz de merecer o respeito do grupo de trabalho, mesmo de jogadores como Maxi Pereira e Iker Casillas que têm mais futebol no dedo mindinho do pé esquerdo do que muitos treinadores imberbes da nossa praça. Alguém que seja capaz de encarar os grandes jogos de peito aberto, sem medos nem tremores, transmitindo para dentro do campo esse mesmo estado de espírito. Resumindo: o FC Porto precisa de alguém como Claudio Ranieri ou outro de dimensão semelhante.

Sem comentários:

Enviar um comentário